Manchetes do dia

Em Defesa dos Democratas Consistentes contra o ataque de hackers a serviço do imperialismo!


O Site dos camaradas britânicos do grupo Democratas Consistentes está há vários dias sob ataque de hackers. Sendo um ataque covarde e anônimo, não sabemos precisamente quem está por trás dele, mas, seguramente, um ataque ao site dos camaradas do CD, seja qual for o autor executivo, serve, objetivamente, aos interesses imperialistas. A Liga Comunista do Brasil se soma a campanha internacional de denúncia desse ataque e defende nossos irmãos britânicos para cobri-los de solidariedade nesse momento de ofensiva. Talvez não seja por acaso que essa ofensiva se realize exatamente quando o CD, encabeça junto com várias organizações do mundo, a denúncia do que está por trás da guerra da OTAN contra a Rússia, em que a Ucrânia é usada como marionete. Talvez não seja coincidência que essa tentativa de calar o site do CD se realize quando o governo de Boris Johnson e o imperialismo britânico, imerso em sua maior crise política interna, seja um dos maiores animadores da guerra contra negociações de paz que que cheguem a um acordo que impessa a Ucrânia de se transformar em uma arma nazista contra a Rússia e as Repúblicas populares de Donbass. Chamamos a todas as organizações comunistas, revolucionárias, democráticas do mundo a fazer parte dessa campanha em defesa do CD contra o imperialismo e seus agentes.

Abaixo reproduzimos a denúncia realizada pelos site dos camaradas do CD que ainda resiste no ar.

Estamos sob ataque de hackers. É bastante óbvio porque nosso pequeno grupo, a Seção Britânica da CLQI, se destacou fortemente contra a campanha de guerra e em defesa do povo do Donbass e da Rússia, contra a guerra por procuração apoiada pelo Ocidente utilizando nazistas diretos, desde o início. E temos falado abertamente sobre essas questões desde nossa fundação no início de 2020 e anteriormente como parte do grupo CLQI britânico anterior, Socialist Fight, desde Maidan (2014) e antes.

Nos últimos dias tivemos mais de 1500 tentativas de hackear nosso site. Acelerando gradualmente ao longo da última quinzena. Claramente os hackers têm um problema com a liberdade de expressão para os anti-imperialistas. Bem, não vamos ser cortados da existência. Quem quer que sejam os hackers, eles têm medo do que estamos dizendo.

Sabemos que o atual governo britânico não gosta de dissidência. Vale a pena ponderar qual pode ser a relação entre o governo e esses que nos atacam.

Nenhum comentário